Liberação Mio-facial em Brasília DF

A fáscia é uma espécie de membrana formada por tecido conjuntivo que recobre cada fibra muscular, cada músculo e também toda a superfície do conjunto muscular, sendo encontrada em diversas extensões, espessuras e densidades em nosso corpo, permitindo que a função corporal em geral seja bem executada, fornecendo juntamente sustentação aos tecidos, proteção, coordenação e impedindo que ocorra o atrito entre os músculos.

Fonte: https://www.sandrolenzi.com.br/liberacao-miofascial-o-que-e-e-quais-suas-indicacoes/

Venha conhecer o Centro de Terapias Complementares DF

O objetivo das terapias complementares é estimular a autocura, partindo do princípio de que o homem não é constituído apenas do corpo material, mas é um ser complexo, composto por mente, espírito e matéria. Sendo necessário, portanto, uma visão holística abrangendo o aspecto geral de sua vida.

Massagem após a gravidez

ASSINE JÁ

PÓS-PARTO

Pós-parto: como voltar ao peso de antes da gravidez

Entenda o que fazer para perder os quilos extras que você ganhou na gestação

15.08.2017 | Crescer

Mulher coloca a mão na barriga (Foto: Thinkstock)


 

Você, que agora está aí com seu filho nos braços, não vê a hora de voltar ao mesmo peso de antes da gravidez? Claro que isso é possível, mas não em um passe de mágica. Para perder os quilinhos extras é preciso determinação, paciência e alguns cuidados básicos. Uma pesquisa da Universidade de Granada (Espanha) mostrou que, em vez de perder peso no pós-parto, 94% das mães ganham quilos a mais. Isso costuma acontecer porque a ingestão de calorias é muito maior do que o necessário, levando ao acúmulo de gordura. Para ajudar você a focar no que realmente vai fazer diferença, selecionamos algumas dicas. A seguir, descubra o que fazer para reconquistar o seu corpo depois do parto.

1. Amamente

Mãe e filho devem encontrar a melhor posição para a amamentação  (Foto: Thinkstock)


 

Nos primeiros seis meses após o parto, o bebê deve mamar exclusivamente no peito. Se necessário, conte com o apoio de uma consultora de amamentação ou enfermeira obstétrica para facilitar o processo – e não desista sem tentar. Amamentar traz uma série de aspectos positivos tanto para a saúde do seu filho como para o seu corpo. Segundo os médicos, para produzir leite, a mulher queima, em média, 750 calorias por dia. Além disso, a amamentação incentiva a liberação da ocitocina, hormônio que estimula a contração do útero. De quase 1 quilo, no final da gravidez, o útero volta aos habituais 60 gramas em até seis semanas. Ou seja, a natureza está ao seu lado: amamentar emagrece.

2. Calorias na medida

salada; verduras; legumes; frango (Foto: Thinkstock)


 

Para produzir leite, você precisa estar bem alimentada. Mas isso não significa que tudo está liberado. Durante a fase de amamentação, você só precisa consumir cerca de 300 calorias extras. Acontece que os longos períodos dentro de casa, as mudanças hormonais, a adaptação a uma nova rotina, as noites em claro e a ansiedade podem  levar você à cozinha! Então, cuidado: deixe de lado frituras, doces, refrigerantes, fast-food, alimentos gordurosos e industrializados. Aposte em frutas, verduras, legumes, grãos, oleaginosas, cereais e carnes magras. Itens saudáveis e naturais são sempre as melhores escolhas para a saúde e ajudam a manter a forma.

3. Trocas espertas


 

banana (Foto: Thinkstock)


 

A vontade de doce está grande? Não caia na tentação de devorar um pote de sorvete ou uma barra inteira de chocolate. Há alimentos saudáveis que dão saciedade e ainda diminuem aquele desejo de consumir açúcar, como a banana e o abacate. Mas, se as frutas in natura não estão animando muito, tente colocar no seu cardápio diário pequenas porções de uva passa, damasco, mix de castanhas ou gelatina diet. Clicando aqui você também encontra algumas boas ideias de substituições.

4. Rotina para se alimentar

Mulher com relógio (Foto: Thinkstock)


 

A vida com um bebê em casa é agitada, o sono é raro e os horários ficam trocados. Mas, em meio a tudo isso, você precisa encontrar brechas de tempo para se alimentar bem. Não precisa comer de três em três horas, mas você deve fazer, pelo menos, as três principais refeições (café da manhã, almoço e jantar) de forma rotineira, mais ou menos no mesmo horário. Isso faz com que você não fique com tanta fome até a refeição seguinte e impede que caia em tentações muito calóricas ao longo do dia.  

5. Hidratação


 

água hidratar hidrata hidratação copo garrafa  (Foto: thinkstock)


 

Tome muita água! Consuma cerca de 2,5 litros por dia (mas tem que ser água mesmo. Refrigerantes, sucos e café não valem!). Ela ajuda na produção de leite e também diminui o inchaço, porque estimula o funcionamento dos rins e acelera a eliminação dos líquidos que estão retidos por todo o corpo.

6. Uma mãozinha


 

Drenagem linfática (Foto: Thinkstock)


 

Recorra às massagens que ativam a circulação e também relaxam, como a drenagem linfática. Se aplicada de forma suave e delicada, pode ser feita assim que você chegar da maternidade. A técnica estimula o sistema linfático (responsável pela eliminação de toxinas) e reduz o inchaço. Massagens sobre o útero nos primeiros dias são contra-indicadas. Outra opção é a massagem redutora, mais vigorosa, que ajuda a combater a flacidez.

Fonte: http://revistacrescer.globo.com/Gravidez/Pos-parto/noticia/2017/08/pos-parto-como-voltar-ao-peso-de-antes-da-gravidez.html

Serviços de Massagem Mio-facial em Brasília DF

Nosso serviço de massagista pretende conseguir um alívio das dores musculares muitas vezes ocasionadas por estresse constante, movimentos repetitivos, problemas de postura e/ ou sobrecargas. Esses hábitos, se não forem cuidados, podem ser bem prejuduciais, provocando a longo prazo, doenças e mal-estar corporal em geral. 

Pensando nessas dores e evitando algumas doenças e mal-estar, a massagem relaxante torna-se uma ferramente que auxilia o bem-estar do cliente, visto que conseguimos, através dela, subir a temperatura na região a ser tratada, aumentando o fluxo sanguíneo, eliminando as células mortas, aumentando a elasticidade e a capacidade de contração muscular, e desta maneira, reduzindo a tensão produzida pelos nervos e combatendo a insônia. O alívio e conforto nas regiões mais afetadas, como a coluna, zona lombar, pernas, são provienientes das diferentes manobras, técnicas e pressões específicas realizadas durante essa massagem. 

    A massagem é altamente benéfica, já que:

  • – Melhora a mobilidade e elasticidade do músculo tensionado;

  • – Disminui a fadiga física; 
    – Previne enfermidades musculares, essas decorrentes de uma postura corporal equivocada; 
    – Libera endorfinas, contribuindo para um estado prazeroso (bem-estar); 
    – Aumenta a circulação sanguínea, melhorando a oxigenação muscular; 
    – Melhora o sistema nervoso 

    Nosso serviço de massagem é bem flexível. 

    Você pode escolher onde deseja receber as massagens, seja em seu domicílio, local de trabalho do massagista ou em outro local, assim como informar o horário de preferência. 

Nosso massagista irá adequar-se às suas exigências e fornecerá todos os produtos para que sua massagem seja extremamente prazerosa. A maioria de nossos massagistas levam a maca, óleos relaxantes e diferentes aromas, assim como música ambiente para fazer com que os seus clientes tenham uma ótima experiência. O objetivo dessa massagem, como o nome já diz, é relaxar. 
Existem também outras massagens que têm outros objetivos além do relaxamento. 
Contamos profissionais que têm muita experiência com massagens do tipo:

  • -Massagem linfática, para redução da gordura localizada, diminuir o inchaço corporal e ao adelgaçar a forma, além de eliminar o excesso de líquidos e toxinas do organismo, como por exemplo celulite;
  • -Massagem desportiva é uma ótima ferramenta para preparar e recuperar a musculatura para quem pratica exercícios físicos;

    -Shiatsu, de origem chinesa, tem a proposta de equilibrar os pontos dos meridianos, que são os canais de energia que percorrem o corpo. 

  • Além de trazer bem-estar, ajuda no combate à insônia e ansiedade;
  • -Ayurvédica ,estimula os músculos e circulação, liberando as toxinas presas neles e nos tecidos.

    Se você busca uma massagista a domicilio, informe-se sem compromisso e até 4 massagistas de sua região lhe contactarão para lhe dar um orçamento personalizado.

    Fonte: 

    https://www.cronoshare.com.br/servicos/massagem-desportiva/sao-paulo/santos/campo-grande

Os benefícios milenares da ventosa terapia.

Bastante utilizada ao longo dos séculos pela medicina chinesa e velha conhecida de muitas nações antigas, a ventosa vem ganhando cada vez mais espaço no mundo moderno, como método eficaz para o tratamento de várias doenças e problemas que impedem a prática de atividades físicas.

 Para a saúde, de modo geral, são muitos os benefícios decorrentes da atuação da ventosaterapia. Entre os resultados estão a melhoria da circulação sanguínea, a redução da pressão arterial e da arteriosclerose, o combate ao reumatismo e nevralgias, o aumento do fluxo da linfa, a redução de edemas, a eliminação de adesões e fibroses, o aumento do nível de cálcio no sangue, a ativação da secreção hormonal, o fortalecimento dos vasos sanguíneos, a aceleração da digestão, a eliminação do nervosismo e do estresse, o descongestionamento dos bloqueios de energia e a ativação do funcionamento geral do corpo etc.

 

Para quem pratica esportes, ela tem sido muito eficaz no alívio de tensões, no tratamento de inflamações, contraturas e estiramentos, dores musculares e lombalgias, na manutenção da flexibilidade dos músculos, entre outros.

 

No âmbito da estética, a aplicação de ventosas ajuda a melhorar o aspecto de cicatrizes cirúrgicas e a reduzir a celulite e a gordura localizada, através de ativação da circulação sanguínea e linfática, diminuindo a retenção de líquidos no organismo da mulher.

 

Da cabaça ao vidro – como funciona

 

Na antiguidade, o instrumento utilizado para fazer ventosas era a cabaça, conhecida naquela época como ‘curubitula’ que, em latim, significa ‘ventosa’. Este método foi desenvolvido e substituído ao longo dos séculos por outros métodos de sucção em que se obtinham o mesmo efeito, como chifres de animais, cúpulas de bambu, metal, até chegar ao vidro.

 

Atualmente, a sucção é feita colocando-se uma substância cadente em uma campânula de vidro, antes de colocá-la sobre a pele do paciente, aquecendo-a com água quente ou com o bombeamento do ar para fora dela, uma vez posicionada na pele. O objetivo é trazer as células doentes do sangue, de dentro para a superfície do corpo, por meio de fortes absorções, recuperando-as. O vácuo e a absorção abrem os poros e vasos capilares, retirando as toxinas, fazendo com que ocorra troca de gases e oxigenação do sangue, ativando então a circulação.

 

Aplicada nos pontos ou meridianos de acupuntura, a ventosa provoca um efeito reflexo, reforçando sua eficácia. Ela pode ser aplicada por cima da agulha puncionada na pele, aumentando o valor terapêutico de ambos os métodos. É normal a aplicação das ventosas deixar uma marca púrpura na pele aonde esta foi sugada, desaparecendo sem a necessidade de tratamento especial.

 

Também é possível utilizar várias ventosas, dispostas em fileiras horizontais e verticais, sobre um órgão doente ou sobre áreas mais amplas do corpo – ao longo de um estiramento muscular, por exemplo. Elas também podem ser movidas sobre superfícies lisas, como costas e coxas, criando assim um ‘efeito massagem’ a fim de remover a pele ressecada por meio da abertura dos poros e da transpiração.

 

Limpando o sangue das toxinas acumuladas

 

Segundo a medicina oriental, o sangue escuro é estagnado nos músculos das costas e das articulações são fortes causadores de doenças. Com base nesta crença, a Medicina Tradicional Chinesa acredita que a ventosa tem a propriedade de limpar o sangue das toxinas acumuladas no organismo, produzidas pelos alimentos e outras fontes poluentes.

 

a ventosa terapia não é recomendado: doenças cardíacas, febre alta, convulsões, cólicas, alergias na pele ou inflamações ulceradas, áreas onde o músculo é fino ou a pele não é plana por causa dos ângulos e depressões ósseas, no abdômen e na região lombar, em gestantes.

 

Lembre-se: qualquer terapia ou tratamento relacionado à sua saúde deve ser recomendado por um profisisional capacitado, com base nas suas reais necessidades.


Fonte: http://www.upforyou.com.br/single-post/2015/12/01/Os-benef%C3%ADcios-milenares-da-ventosaterapia

 

 

Massagem Terapêutica é Esportiva: o que é?

Conheça a massagem esportiva e um pouco de sua história, princípios fisiológicos básicos, indicações, benefícios e para quem se destina.  

A massagem terapêutica esportiva, também conhecida como massagem esportiva ou desportiva, é descrita em alguns livros como a aplicação científica e intuitiva da massagem, movimento e alongamento em indivíduos fisicamente ativos.

Apesar da definição acima, a massagem desportiva não é exclusiva apenas a atletas ou pessoas que realizam atividades físicas com frequência. Este tipo de massagem é uma combinação de variadas técnicas (neuromusculares, miofasciais e linfáticas), além de ter como base a massagem sueca/clássica e alongamentos passivos. Logo abaixo segue as especificações de cada uma delas:

Massagem Sueca (ou Clássica) – o estilo sueco ou ‘clássico’ é a base de todas as massagens ocidentais. Conhecida no mercado muitas vezes com o termo comercial “relaxante”, foi criada e desenvolvida por figuras importantes como Pehr ling  (1776-1839), sueco precursor da educação física ocidental, dr. Johann Mezger (1838-1909), médico e massagista holandês, Albert Hoffa (1859-1907), cirurgião, ortopedista e fisioterapeuta alemão, e dr. James Mennell (1880-1957), médico e cirurgião inglês.

  • Pai da Massagem Clássica?

Peter Henrik Ling nasceu no dia 15 de novembro de 1776 na província de Smaland, na Suécia. Filho de ministro e bisneto do conhecido cientista, médico e historiador sueco Olof Rudbeck, Ling é considerado um dos pioneiros da construção dos programas da educação física moderna ocidental, ao ter desenvolvido o sistema de ginástica sueca, ou ‘movimento de cura sueco’. Muitos livros escritos nos dois últimos séculos também atribuem a Pehr Ling o título de “Father of Swedish Massage” (pai da massagem sueca), porém existem controvérsias a respeito.

per-henrik-ling

Per Henrik Ling

Apaixonado por esgrima em sua juventude, Ling percebeu que, apesar da importância deste exercício para sua saúde, o mesmo era insuficiente para resolver os problemas físicos que o estavam afligindo na época, como reumatismo, doenças pulmonares e uma artrite inflamatória que começou a afetar o seu braço (gota). A partir daí, ele desenvolveu uma série de movimentos passivos em si próprio que incluíam stroking (deslizamentos), pressing (pressões) e kneading (amassamentos).

Percebendo que estes exercícios estavam tendo um efeito positivo em sua saúde e condição física, Ling passou a chamar estes movimentos de ‘ginástica médica’, e vislumbrou a intenção de educar as pessoas sobre este ‘sistema de exercícios adequados’. Ele sentiu que, após a realização desses movimentos, que a mente e o corpo se tornavam um só. Em 1813, ele fundou o Real Instituto Central de Ginástica.

        Na massagem sueca há uma integração de movimentos suaves, deslizamentos e alongamentos que visam diminuir o estresse e a ansiedade, melhorar o relaxamento e a flexibilidade do tecido e da musculatura esquelética, propiciando uma sensação geral de bem estar.

Outras técnicas e manobras que fazem parte da massagem esportiva:

Técnicas Miofasciais – são técnicas que visam alongar, ampliar e/ou afrouxar a fáscia muscular. Possuem o propósito de manter ou restaurar a capacidade funcional da rede

tecnica-miofascial-de-fixacao-e-alongamento-2

Técnica miofascial de fixação e alongamento de plano amplo na parte anterior do ombro (posição inicial)

 

miofascial de integração. Costumam ser indicadas para as seguintes condições abaixo:

 

  • Redução da amplitude de movimento com ou sem uma lesão específica.
  • Diminuição da força ou da potência.
  • Cicatrizes visíveis na área da queixa ou na cadeia miofascial.
  • Movimento doloroso (passivo ou ativo) com ou sem uma lesão específica.
  • Dor à palpação nos músculos ou zonas fasciais sem uma lesão específica.
  • Sinais de um fáscia densa, aderida ou fibrosa em qualquer área corporal.

 

Técnicas ou Liberações Neuromusculares – incluem quaisquer técnicas direcionadas a reduzir a tensão ou o espasmo muscular, que restringem a amplitude de movimento e/ou o tornam doloroso.

Sem título2

Técnica neuromuscular para tratamento de pontos tensos nos músculos do arco longitudinal medial do pé, sintomas característicos da fasceíte plantar

Drenagem Linfática – neste tipo de situação, as técnicas de drenagem linfática serão utilizadas somente para a redução do edema traumático e nos tratamentos de lesões esportivas (entorses, tensões agudas ou crônicas e hematomas).

Alongamentos – têm como objetivo o retorno dos músculos a seu comprimento normal após a redução da tensão muscular e das restrições do tecido conjuntivo.

A massagem desportiva pode ser feita em competições (pré-competição, entre as competições e pós-competição) ou então para manutenção/tratamento em ambiente clínico. Neste último caso (atendimento clínico), a sessão dura em média de 60 a 90 minutos.

Benefícios: 

  • Diminuição da ansiedade, do estresse e da depressão.
  • Aumento da sensação de bem estar e concentração.
  • Melhora dos padrões de sono.
  • Identificar áreas de tensão ou inflamação a serem tratadas antes que ocorra uma lesão.
  • Fornecer feedback sinestésico (estado mental positivo de confiança e percepção do movimento).

alongamento-passivo-parte-posterior-pernaEm termos de efeitos fisiológicos estruturais no corpo, os benefícios são:

  • Aumento na amplitude de movimento.
  • Maior flexibilidade tecidual geral e relaxamento muscular.
  • Redução de câimbras e espasmos musculares.
  • Alívio de pontos-gatilhos miofasciais e pontos sensíveis neuromusculares.
  • Redução de aderências musculares.

Efeitos fisiológicos sistêmicos:  

  • Aumento da circulação local (hiperemia e fluxo venoso).
  • Diminuição do edema traumático e da dor.

Indicações:

  • Entorses e distensões musculares.
  • Tendinites, fasceítes plantares, canelites, bursites.
  • Síndrome do piriforme (ciático), do desfiladeiro torácico, do túnel do carpo, entre outras.
  • Lombalgias, ciatalgias, etc.
  • Dores musculares crônicas ou agudas em geral.

 

Qual sua opinião sobre este artigo? Dúvidas, críticas ou elogios…deixe seu comentário abaixo.

Para ler outros textos deste blog, clique nos seguintes links:

 Referencia: https://massoekiterapia.com/

Quiropraxia entra em debate após morte de modelo.

Causa da morte teria sido rompimento de artéria por erro de quiropraxista

A causa da morte de Katie May, modelo da Playboy conhecida como ‘Rainha do Snapchat’, teria sido o rompimento de uma artéria no pescoço após consulta com um quiropraxista, segundo um porta-voz da Justiça em Los Angeles.

11

Katie morreu em fevereiro, depois de ter caído durante uma sessão de fotos. Segundo o site TMZ, ela achou que havia lesionado um nervo e procurou um quiropraxista, que teria ocasionado a lesão em uma artéria do pescoço da modelo de 34 anos.

O procedimento terapêutico é definido, no projeto de regulamentação da profissão que tramita na Câmara dos Deputados, como “o que se utiliza de força controlada, alavanca, direção específica, baixa amplitude e alta velocidade em segmentos articulares específicos e em tecidos”. A quiropraxia trata disfunções motoras “que envolvem alterações em tecidos nervosos, musculares, ligamentosos, vasculares e conectivos”, ainda segundo o texto.

Roberto Suzano Bleier Filho, presidente da Associação Brasileira de Quiropraxia (ABQ), afirma que é preciso ponderar a conclusão do atestado de óbito da modelo. Segundo um estudo conduzido no Canadá, entre 1988 e 1997, a chance de dissecção da artéria é de uma em cada 8,6 milhões de manipulações da cervical. O estudo levou em conta o número de pacientes atendidos por 10% dos quiropraxistas do país e o número de consequentes Acidentes Vasculares Cerebrais (AVCs) diagnosticados por neurologistas.

“É muito complicado comprovar cientificamente que a lesão foi causada pelo ‘ajuste’ feito pelo profissional, isso se ele ajustou”, afirma Bleier Filho. Em nota oficial,  a ABQ afirma: “As informações obtidas até aqui são contraditórias, dizendo que o acidente foi ocasionado por uma queda durante uma sessão de fotos, ocorrida em janeiro. O próprio irmão da modelo teria afirmado que a causa da morte foi um problema na artéria carótida em decorrência desse acidente.”

No entanto, Bleier Filho pondera que é preciso tomar muito cuidado ao procurar esse tipo de tratamento. “Tem muita gente falando que faz quiropraxia e na verdade não é quiropraxista”, alerta. O profissional precisa ter feito graduação para poder atuar na área. Atualmente, apenas a Universidade Anhembi-Morumbi, em São Paulo, e a Universidade Feevale, em Novo Hamburgo (RS), oferecem o curso. Ambas têm convênio com instituições dos Estados Unidos, onde surgiu a prática.

Bleier Filho aconselha entrar no site da ABQ e acessar a lista de profissionais associados. Como a regulamentação da profissão ainda tramita na Câmara dos Deputados, ele explica que a associação não tem poder fiscalizatório, mas pede que eventuais profissionais não associados sejam reportados à ABQ.

Durante a consulta, Bleier Filho afirma que é necessário comunicar qualquer desconforto ao quiropraxista. “O paciente também precisa, como em qualquer atividade, ficar atento ao seu corpo e respeitar o que estiver sentindo. Ele tem que impreterivelmente comunicar tudo ao profissional.”

Pacientes com osteoporose, câncer, artéria calcificada ou com histórico de cirurgia na coluna normalmente não podem ser manipulados por quiropraxistas. No entanto, o presidente da ABQ afirma que o profissional faz uma série de testes e avaliações antes de começar as sessões.